Revista de Gestão Revista de Gestão
Revista de Gestão 2017;24:224-34 - Vol. 24 Num.3 DOI: 10.1016/j.rege.2017.05.002
Finanças
Perda máxima aceitável para investimento de risco em commodity brasileira
Maximum loss acceptable to risk investment in Brazilian commodity
Israel José dos Santos Felipea,, , Guillermo Badía Fraileb,,
a Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, MG, Brasil
b Universidad de Zaragoza, Zaragoza, Espanha
Received 15 April 2015, Accepted 03 October 2016
Resumo

O presente trabalho teve como objetivo simular a perda máxima aceitável para o risco de investimento em uma das principais commodities agrícolas do Brasil, o trigo. Para o cumprimento de tal objetivo, o estudo usou a modelagem de séries temporais com processos autorregressivos de médias móveis (Arma), heterocedasticidade condicional (Garch) e valor em risco (V@R), aplicados sobre uma série histórica de preços do ativo num intervalo de dez anos. O banco de dados investigado foi coletado no site do Cepea/Esalq/USP e a motivação para escolha dessa série histórica se deu em função da importância produtiva e econômica do Estado do Paraná para todo o Brasil, porque é o maior produtor e comerciante da commodity. Os resultados discutidos neste paper revelam que a um nível de significância estatística de 1%, o produtor de trigo admite uma perda de R$ 228,40 sobre o investimento feito e, a 5%, R$ 174,19. Em geral, essas informações sugerem que a cada tonelada de trigo vendida, o produtor pode perder em seu investimento até R$ 228,40. Estas e outras informações abordadas na pesquisa podem servir de ferramentas estratégicas de apoio para o processo decisório de investimento em commodities. A dinâmica dos preços expressa pela volatilidade do mercado pode revelar algum padrão de comportamento do ativo, o que pode ser útil para a formação de políticas hedge, nas quais vários produtores assumem o risco do investimento efetivado, minorando assim o impacto do mesmo sobre os produtores.

Abstract

This study aimed to simulate the maximum acceptable loss for the risk of investing in a major agricultural commodities in Brazil, wheat. To fulfill this objective, the study used the modeling of time series with autoregressive processes moving average (ARMA), conditional heteroskedasticity (GARCH) and value at risk (V@R), applied on a historical series of asset prices in a ten year period. The investigation database was collected in the site CEPEA/ESALQ/USP and the motivation for choosing this historical series was due to the productive and economic importance of the State of Paraná throughout Brazil, the largest producer and commodity trader. The results discussed in this paper show that a level of statistical significance of 1%, wheat producer admits a loss of R$ 228.40 under the investment and 5% R$ 174.19. Overall, these data suggest that every tonne of wheat sold, the producer can lose on your investment up to R$ 228.40. These and other information covered in the survey may provide support strategic tools for decision‐making investment in commodities. The dynamics of prices expressed by the market volatility may reveal some active behavior pattern, which can be useful for the formation of hedging policies, in which various producers assume the risk of the effected investment, thus minimizing the impact of the same on producers.

Palavras‐chave
Perda máxima, Investimento de risco, Commodity agrícola, Volatilidade
Keywords
Maximum loss, Risk investment, Agricultural commodity, Volatility
Revista de Gestão 2017;24:224-34 - Vol. 24 Num.3 DOI: 10.1016/j.rege.2017.05.002